• Início
  • Notícias
  • A Administração da RTP suspendeu preventivamente o ex-director de Informação Nuno Santos e abriu um processo disciplinar para despedimento

A Administração da RTP suspendeu preventivamente o ex-director de Informação Nuno Santos e abriu um processo disciplinar para despedimento

A RTP confirma que o ex – director de informação Nuno Santos foi suspenso preventivamente e que esta a aguardar procedimento disciplinar, disse à Lusa uma fonte da televisão pública hoje.

Este processo surge na sequência do caso do visionamento das imagens não editadas dos incidentes da manifestação de 14 de Novembro pela PSP nas instalações da empresa.

Nuno Santos está a ser ouvido, desde as 12 horas, na Entidade Reguladora para a Comunicação Social ( ERC), no âmbito do inquérito aberto pelo regulador sobre o tema.

O inquérito interno da RTP concluiu que a autorização tinha sido dada por Nuno Santos, o que este nega.

Em comunicado, Nuno Santos revela que foi informado da suspensão e do processo na manhã desta sexta-feira, pouco antes de ir à audição marcada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social.

O ex-director conta que nos dias antes da sua audição na Comissão de Ética, na passada quarta-feira, foi “recebendo indicações de que era politicamente imperioso” que lhe fosse movido um processo disciplinar.

E relaciona a abertura deste processo, uma semana depois de terem sido reveladas as conclusões do inquérito interno da RTP, precisamente com o facto de não se ter “calado”.

Fontes: TVI Noticias 24h, Publico, Sábado, RTP

Jacqueline Ferreira

Tags: