Descoberto Novo Vírus Canino

Um novo vírus canino foi descoberto por um docente da Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viseu ( IPV), no âmbito de um projecto internacional, anunciado hoje pela instituição.

O IPV explica, que os “norovirus” humanos “são hoje reconhecidos como a mais frequente causa de gastroenterite aguda por surtos alimentares e a causa mais comum de doença entérica (dos intestinos) esporádica, superando qualquer agente bacteriano”.

A via de transmissão mais relevante é o contacto pessoa a pessoa e o consumo de alimentos contaminados, mas também há a possibilidade de transmissão de vírus para o homem.

Nova estirpe chama-se ‘Viseu’, devido ao local da descoberta

Após “um exaustivo estudo” para avaliar “o papel da população de cães como reservatório animal para ‘norovirus’ no homem”, a descoberta foi feita por João Mesquita, investigador da Escola Superior Agrária de Viseu.

O investigador concluiu que “o vírus tem uma elevada variabilidade genética e antigénica graças à sua elevada taxa de mutação, o que é sugestivo de uma elevada adaptabilidade do vírus ao hospedeiro”.

Com o título “Novo norovirus canino: aspectos moleculares, epidemiológicos e patogénese”, o projecto foi financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

Fontes: Sol; Expresso; Visão

Rute Fidalgo e Vanessa Barroso

Tags: