Portugueses preferem dinheiro no Natal

Dinheiro é o presente mais desejado pelos portugueses neste Natal, revela o estudo Xmas Survey 2012, divulgado esta terça-feira pela Deloitte. De acordo com a consultora, 58% dos inquiridos colocou o dinheiro no topo da lista de pedidos.

Os livros surgem na segunda posição, com 51% das preferências. Nos presentes mais desejados estão ainda o vestuário e calçado (44%) e as viagens (43%).

Também a lista de intenções de compra vai de encontro aos desejos da maioria: 48% pretendem oferecer livros e 36% das pessoas optam pelo vestuário/calçado. Viagens é que nem vê-las, na lista das compras.

Em vez disso, o terceiro lugar das intenções de compra vai para os tradicionais chocolates (31%).

Na hora de ir às compras, 83% dos inquiridos afirmam não comprar produtos que envolvam trabalho infantil e outros tantos dizem que as informações sobre o presente, fornecidas na embalagem são relevantes no momento da compra.

Destaca-se ainda o facto de 77% dos inquiridos evitarem comprar produtos prejudiciais ao ambiente e de 73% preferirem comprar produtos locais/nacionais.

As crianças terão um lugar de destaque e cada consumidor afirma que, em média, comprará quatro presentes para criança.

Mesmo nos presentes para crianças até aos 12 anos, os livros estão no top das intenções de compra (31%), seguidos do vestuário/calçado (28%) e jogos (28%).

Quando questionados sobre os critérios de compra destes itens, a maioria dos portugueses diz dar especial atenção aos brinquedos educativos (67%), dando menos destaque ao facto de estes serem tradicionais (15%), inovadores (11%) ou «verdes» (7%).

A 15ª edição do Xmas Survey da Deloitte analisou as intenções de compra e gastos dos portugueses na quadra natalícia, abrangendo também mais 17 países europeus e África do Sul, tendo sido inquiridos um total de 18.587 consumidores, entre a segunda e terceira semana de Setembro.

Fonte: TVI24

Melissa Ferreira

Tags: