Sonae gasta 527 milhões de euros em produtos nacionais

A Sonae, seguindo a sua política de apoio à produção nacional, aumentou em cerca de 3,5% as compras a produtores nacionais na área dos perecíveis, que representam cerca de 527 milhões de euros para os produtores portugueses, contribuindo para a criação de riqueza e emprego em todo o país.

Luís Moutinho, CEO da Sonae MC, afirma que “num contexto económico difícil, a Sonae e o Continente reforçaram a sua relação com os produtores nacionais, contribuindo com o seu investimento e conhecimento para o desenvolvimento em Portugal de uma indústria agro-alimentar competitiva, eficiente e inovadora.

As compras a produtores nacionais representaram cerca de 80% do total na área dos perecíveis e ajudaram muitas empresas agro-alimentares e pequenos produtores a desenvolver a sua actividade com segurança.”

De acordo com o comunicado divulgado pela Sonae, também o Clube de Produtores Continente continuou a sua missão de apoiar os produtores nacionais do sector agro-alimentar no desenvolvimento dos seus negócios e de processos de inovação, tendo alargado o seu número de associados em 5% para 266 membros, que incluem produtores individuais, associações de produtores e cooperativas.

Face a esta evolução, o Clube de Produtores Continente, criado em 1998 com o objectivo de aproximar a Sonae e o Continente dos produtores nacionais, foi responsável por compras de cerca de 171 milhões de euros, representando 32% das compras totais a produtores nacionais na área dos perecíveis.

Fontes: Vida Rural, Sonae

Sofia Neves

Tags: