• Início
  • Notícias
  • Suspeito por homicídio a professora condenado por 17 anos de prisão

Suspeito por homicídio a professora condenado por 17 anos de prisão

Hoje, dia 6 de Outubro, o Tribunal de Lisboa Oeste condenou o suspeito de homicídio de uma professora com uma pena de 17 anos e seis meses.

Hugo Sousa foi condenado a 15 anos de prisão por este crime homicida, 4 anos por furto e dois anos e seis meses por burla informática fixando então a pena final de 17 anos e seis meses.

Ainda assim, a defesa vai recorrer para que o julgamento seja repetido.

O arguido vai também ter de pagar uma indemnização de cerca de 120 mil euros, sendo que 115 mil são referentes a danos não patrimoniais, à filha da vítima.

Delmira Claro, de 53 anos, foi encontrada morta na Praia da Aguda, em Sintra, a 1 de Abril de 2013.

A vítima estava despida da cintura para baixo e sem documentos, tendo sido reconhecida dias mais tarde pela filha no Instituto de Medicina Legal de Lisboa.

Fontes: Jornal de Noticias, RTP, Destak e Expresso.

Fonte da Imagem: Jornal da Região

Ana Rita Ferreira, Catarina Carvalho e Dora Pereira

Tags: